0 votos
por (110 pontos)
reclassificado por

4 Respostas

0 votos
Melhor resposta
Na verdade a incorporação ocorre em mediuns, se a pessoas incorporou ela tem mediunidade. Ela pode não ser medium desenvolvida ou que pratique a religião,  mas deve procurar auxilo. Em alguns casos há pessoas que incorporam espíritos em busca de luz e que se mqnifestam, às vezes de forma não muito agradável, mas em busca de luz...
por
selecionada por
0 votos
No Espiritismo de orientação kardecista, os médiuns também trabalham o seu desenvolvimento pessoal e mediúnico, visando o atendimento aos demais irmãos, seja na "Câmara de Paz", seja em outras atividades menos comuns como a Psicografia, entre outros.
por (472 pontos)
0 votos
Se vc ver no terreiro que frequenta, pessoas que não são da gira encorporando, algo está errado!

 Pessoas que frequentam o centro, mas não estão na linha de desenvolvimento,  seja kardecista ou Umbandista, não podem incorporar !

 O médium de kardek, o médium de Umbanda, precisa da mesma disciplina, estudo e escola de desenvolvimento....   

 Médium é médium em todo lugar, afinal a responsabilidade está em todo chão que a pessoa pisar...
por (356 pontos)
em primeiro lugar precisamos saber o que é ou como acontece a incorporação, em principio a incorporaçao não acontece de um todo, pois, a entidade ou espirito, aproxima junto ao médio, enviando-lhe fluidos de chakras para chakras, e a afinidade faz o resto, há mediuns ituitivos, psicofonicos, psicografos,etc.. cada um com o seu dom de compromisso na caridade, e isto da a  nitida impressão de uma incorporação. isto acontece em pessoas com mediunidade seja kardecista, umbandista, ou  mesmo um ateu, pois a mediunidade é compromisso assumido antes de reencarnamos, existe sim o desenvolvimento mediuncos atravez de centros espiritas ou umbandistas fortemente preparados para isso, mas nunca devemos forçar, pois a mediunidade não existe hora nem dia pra tal acontecimento se aflorar....aché pra todos.
0 votos
Todos nós somos médiuns !...

E a mediunidade do homem se apresenta em diferentes maneiras... cada um tem a sua mediunidade.....

Dependendo do gráu dessa mediunidade a pessoa tem mais ou menos responsabilidades para usar esse "dom"...

É dever de todo médium amar e respeitar o próximo, aperfeiçoando a moral lembrando que todos nós estamos sujeitos as leis de causa e efeito.

Umbanda é tudo !.... Umbanda é a Vida !.... Nascemos na Umbanda !...

Axé !!!!...
por (246 pontos)
Fala Laércio
Não sei se você percebeu, mas suas respostas não respondem as perguntas ou ficam totalmente fora do contexto
Tenta ser menos "Umbanda é vida" e mais "Na Umbanda aprendi que..."
Muda essa postura homem!!!
NÃO GOSTO DE DEBATER SOBRE ISSO... ACHO QUE NÃO FAZ PARTE DA MINHA UMBANDA....
MAS VOU TENTAR AJUDAR AO IRMÃO QUE SE DIZ SINCERO...RSSS
PARA VC CONHECER ALGUMA COISA TEM QUE ENTENDER O QUE É ESSA COISA...
E COMO O IRMAO DEVE SABER CADA UM TEM A SUA MANEIRA DE PRATICAR A UMBANDA..
CADA UM TEM A SUA MANEIRA DE VIVER...
PROCURA MEDITAR UM POUCO E TENTA ENTENDER ISSO...
MAS FOI BOM SABER QUE ALGUEM ESTÁ ACOMPANHANDO O QUE ESCREVO AQUI...
OBRIGADO..

AXÉ IRMÃO !.....
Bom dia "EUSINCERO".....

Não sei bem como funciona esse fórum... queria me comunicar diretamente com você mas não vi como fazer isso....

Fiquei feliz pelas suas críticas pois me permitem colocar mais algumas coisas que acredito, coisas sobre a Umbanda...

Mas antes quero deixar claro que para mim, a Umbanda não é religião...

Muitos tentam fazer com que acreditemos nisso para tirarem proveito financeiro, as vezes até fazendo comércio com venda de "milagres"...

Outros procuram usar o nome da Umbanda para alimentar o seu EGO...

Mas nem todos aceitam essas coisas, e é para esses que escrevo o sobre o meu entendimento...

Segue o que já deixei escrito no meu mural, aqui no FÓRUM...

Salve a Umbanda.... Salve a Vida !!!...

Depois de ler e ver tantas coisas, cheguei a conclusão de que a Umbanda é a própria Vida... Cada um tem a sua Umbanda...cada um tem a sua Vida...

Nas minhas procuras por respostas sobre a Umbanda, encontrei num livro bem antigo, escrito por Átila Nunes, que a Umbanda começou a ser reconhecida quando, o primeiro homem com inteligência nesse nosso planeta, começou a respeitar os fenômenos naturais que acontecem na nossa Terra..

Passei a entender também que todos somos médiuns... cada um com seu tipo de mediunidade e em cada tipo seu gráu...

Todos nós somos Umbandistas... mas nem todos são obrigados a praticar a Umbanda... temos direito a isso por causa do livre-arbítrio..

Cada um tem a sua Umbanda que deve ser norteada para a evolução do espírito, com estudo, dedicação, humildade, respeito a tudo e a todos e acima de tudo, praticar a caridade.. seja em qualquer situação..

Quero deixar claro que isso são coisas que entendi e recomendo a todos que observem o "por que"  de certos fundamentos que são criados e muitas vezes não explicados...

Nascemos para aprender e evoluir....mas só aprendemos quando entendemos aquilo que querem nos ensinar...

AXÉ !!!
514 perguntas
1,106 respostas
4,512 comentários
2,758 usuários