0 votos
Na Umbanda existe a incorporação de Orixá , ou apenas seus falangeiros ?
por

2 Respostas

0 votos
Somente dos falangeiros, na Umbanda não se tem toda a preparação que o Candomblé faz, para que se receba o Orixá.
por
concordo alem do que os orixas no candomble nao falam e os falangeiros da umbanda se comunicam,entao nao tem por que a umbanda receber orixas,a nao ser que nao acreditamos que os falangeiros sao enviados dos orixas.
0 votos
A Umbanda trabalha com espíritos desencarnados, mas que se encontram em graus de evolução mais avançados e por isso são selecionados para trabalhar de acordo com a lei divina e universal, auxiliando os encarnados e desencarnados que se encontram em menor nível evolutivo. Estes espíritos trabalhadores da Umbanda são chamados "falangeiros" pois pertencem a grupos irradiados pelas energias dos Orixás conforme sua formação, afinidade e necessidade de trabalho.
A incorporação da energia direta do Orixá é uma particularidade do Candomblé e segue uma ritualística, preparação e forma de trabalho muito diferente da Umbanda apesar de algumas semelhanças. No Candomblé a pessoa incorpora a energia irradiada do Orixá e não algum representante seu como é na Umbanda, assim geralmente essa energia (que não é o Orixá em si, pois não seria possível um corpo material receber tamanha força) se manifesta e usa da matéria do médium para espalhar seu axé e irradiar sua energia a todos através de sua dança, movimentos e presença.

Em um exemplo BEM grosseiro, o Orixá seria o mar, a energia no Candomblé seria uma onda que traz a força do mar e a energia do falangeiro da Umbanda seria de um ser aquático que vive e é parte daquele mar.
por (616 pontos)
editado por
541 perguntas
1,152 respostas
4,531 comentários
3,105 usuários